Trajetória e momentos da inclusão social

Timeline created by facebooker_1107493752678483
  • Fundação do Instituto Nacional de Surdos-Mudos em Paris

    Fundação do Instituto Nacional de Surdos-Mudos em Paris
    Esta escola, que posteriormente daria origem ao Instituto Nacional de Jovens Surdos de Paris, foi considerada a primeira escola para surdos do mundo e foi fundada por Charles-Michel de l'Épée.
  • Criação do alfabeto braile

    Criação do alfabeto braile
    É um alfabeto desenvolvido pelo francês Louis Braille, que perdeu a visão quando ele ainda era criança. O surgimento dele foi motivado porque o criador queria ter acesso à cultura escrita e o alfabeto possui pelo menos 63 combinações.
  • Fundação da escola para surdos no Brasil

    Fundação da escola para surdos no Brasil
    Surgiu por iniciativa do francês Eduard Huet, que veio ao Brasil por um convite feito pelo imperador D. Pedro II. No início ela se chamava Imperial Instituto de Surdos Mudos, sendo que mais tarde foi rebatizada para Instituto Nacional da Educação de Surdos (INES).
  • Nascimento de Helen Keller

    Nascimento de Helen Keller
    Ela foi considerada um exemplo de superação na vida, apesar das grandes dificuldades pelas quais ela passou. Nasceu perfeita, mas quando ainda era bebê uma febre altíssima a atingiu, fazendo com que ela ficasse cega e surda. Depois de vários momentos difíceis, ela se tornou aluna de Anne Sullivan e a sua vida mudou bastante. Era ativista dos direitos das mulheres e se destacou na literatura, além de ter sido a primeira pessoa surdo-cega a conquistar um bacharelado.
  • Declaração Universal dos Direitos Humanos

    Declaração Universal dos Direitos Humanos
    Esta declaração assegura às pessoas com deficiência os meus direitos que os demais cidadãos, como: direto à liberdade, a uma vida digna, à educação fundamental, ao desenvolvimento pessoal e social e à livre participação na comunidade.
  • Surgimento do personagem Humberto

    Surgimento do personagem Humberto
    O personagem é portador de deficiência auditiva e aparecia nas primeiras tirinhas feitas pelo cartunista Maurício de Sousa, o criador da Turma da Mônica. Depois dele apareceram o Hamyr, um menino que possui dificuldades de locomoção; a Tati, portadora da Síndrome de Down; André, que é autista; Dorinha, que é cega e possui um cão-guia chamado Radar e Luca, que é cadeirante.
  • Sol de Verão

    Sol de Verão
    Novela exibida pela TV Globo que mostrava a história de Abel, personagem interpretado por Tony Ramos e ele era cego. O êxito dele fez com que houvesse um interesse no aprendizado da Linguagem Brasileira de Sinais (Libras), com cartõezinhos que era vendidos ou distribuídos nas ruas.
  • Primeira aparição de Tany Mary Souza de Andrade na mídia

    Primeira aparição de Tany Mary Souza de Andrade na mídia
    Era uma menina que possuía vários parentes surdos e era a responsável por traduzir conteúdo das cartas e algumas músicas da apresentadora Xuxa em Libras, sendo que atuou no programa entre os anos de 1988 a 1992. Também fez parte de programas como Jornal Nacional e aparece usando a linguagem de sinais nas classificações indicativas dos programas da TV Globo. Além disso, criou o primeiro centro de deficientes auditivos do Rio de Janeiro.
  • Assinada a Declaração de Jomtien

    Assinada a Declaração de Jomtien
    A assinatura ocorreu na cidade homônima, localizada na Tailândia. O Brasil foi um dos países signatários, pois assumiu um compromisso perante a comunidade internacional de erradicar o analfabetismo e universalizar o ensino fundamental no país.
  • Assinada a Declaração de Salamanca

    Assinada a Declaração de Salamanca
    Foi idealizada na Conferência Mundial sobre Necessidades Especiais, acesso e qualidade, em Salamanca (Espanha), em 1994, realizada pela UNESCO. O objetivo principal desta conferência foi a atenção educacional aos alunos com necessidades educacionais especiais.
  • Convenção da Guatemala

    Convenção da Guatemala
    Trata-se de um convenção na qual vários países da América do Sul assinaram um documento com foco na eliminação da discriminação das pessoas com deficiência. Ele dispõe que as pessoas com deficiência não podem receber tratamentos diferenciados, que impliquem exclusão ou restrição ao exercício dos mesmos direitos que as demais pessoas possuem.
  • Documentário Do Luto à Luta

    Documentário Do Luto à Luta
    Foi um projeto do cineasta Evaldo Mocarzel que pretendia abordar um pouco sobre a trajetória das pessoas com Síndrome de Down e falar sobre a importância delas e o seu cotidiano, bem como as dificuldades relatadas pelos pais dessas crianças. A filha do cineasta, Joana, foi destaque da novela "Página da Vida" no ano seguinte à produção da novela e interpretando a personagem Clara.
  • Caras & Bocas

    Caras & Bocas
    Foi a primeira novela da televisão brasileira a contar com uma atriz com deficiência visual interpretando um personagem fixo na trama. Se trata da jornalista Danieli Haloten, que interpretou a vendedora de flores Anita. Na vida real, ela tem um cão-guia chamado Higgans.