Romantismo

  • Revolução Industrial

    Revolução Industrial
    O Romantismo também teve grande impacto da Revolução Industrial, pois nesse foi nesse período em que as classes sociais se organizavam e criavam ou redefiniam suas visões sobre o mundo e a vida
  • Começo do Romantismo

    Começo do Romantismo
    o Romantismo foi um movimento artístico criado com o intuito de reivindicar a personalidade sensível e emocional dos indivíduos.Esse movimento foi Impactado pela Revolução Industrial e Revolução Francesa.
  • surgimento de grande nomes e obras no Romantismo

    surgimento de grande nomes e obras no Romantismo
  • Revolução Francesa

    Revolução Francesa
    o Romantismo foi fortemente influenciada pelo espírito da revolução e pelo ideal de "liberdade, igualdade e fraternidade" que tiveram início na Revolução Francesa.
  • Johann Wolfgang von Goethe

    Johann Wolfgang von Goethe
    Goethe foi uma das mais importantes figuras da literatura alemã e do Romantismo europeu. Obra: Fausto
  • Caspar David Friedrich

    Caspar David Friedrich
    Friedrich é o mais puro representante da pintura romântica alemã. Obra: Caminhante sobre o mar de névoa
  • Walter Scott

    Walter Scott
    Walter Scott foi um romancista, poeta, dramaturgo e historiador escocês, o criador do verdadeiro romance histórico. Livro: Ivanhoe
  • Eugène Delacroix

    Eugène Delacroix
    Delacroix é considerado o mais importante representante do romantismo francês. Obra : A Liberdade Guiando o Povo
  • Romantismo no Brasil

    Romantismo no Brasil
    O romantismo no Brasil teve início em 1836, com a publicação do livro de poemas: Suspiros Poéticos e Saudades, de Gonçalves de Magalhães. Esse movimento se caracterizou pela sua busca pela identidade nacional e resgate da cultura e do folclore. Houve grande destaque para temas como o índio, regionalismos, exaltação da natureza e realidade social do país.
  • Primeira Geração

    Primeira Geração
    Os primeiros românticos são conhecidos como nativistas, pois seus romances retratam índios vivendo livremente na natureza, numa representação idealizada. O índio é transformado no símbolo do homem livre e incorruptível.
    Nosso Romantismo apresenta como traço essencial o nacionalismo, destacando o indianismo, o regionalismo, a pesquisa histórica, folclórica e linguística, e a crítica aos problemas nacionais.
  • O poeta e a Inquisição

    O poeta e a Inquisição
    Gonçalves de Magalhães.
  • Prosa Romântica no Brasil

    Prosa Romântica no Brasil
    A prosa romântica introduziu o Romantismo no Brasil. Considera-se que a publicação do romance “A Moreninha”, de Joaquim Manoel de Macedo, em 1844, marca o início da prosa romântica brasileira.
  • A Moreninha

    A Moreninha
    de Joaquim Manuel de Macedo.
  • Romance Urbano

    Romance Urbano
    O romance urbano retrata a pequena burguesia, a ascensão da classe média, as relações sociais e morais. São narrativas lentas, minuciosamente descritivas da ambientação das personagens. Os principais autores dessa fase são: Joaquim Manoel de Macedo, com A Moreninha;
    Manoel Antônio de Almeida, com Memórias de um Sargento de Milícias;
    José de Alencar, com Diva e Senhora.
  • Canção do Exílio

    Canção do Exílio
    Gonçalves Dias.
  • A Destruição das Florestas

    A Destruição das Florestas
    Manuel de Araújo Porto Alegre.
  • Segunda Geração

    Segunda Geração
    É um período marcado pelo mal do século, apresenta egocentrismo irritado, pessimismo, satanismo e atração pela morte. Os poetas que se destacam são: Álvares de Azevedo, Casimiro de Abreu, Fagundes Varela e Junqueira Freire.
  • Romance Gótico

    Romance Gótico
    representada por alguns escritores do Romantismo que se posicionaram contra os valores racionalistas e materialistas da sociedade burguesa e se identificaram com um ambiente satânico, misterioso, de morte, sonho e loucura, criando então uma literatura fantasiosa. No Brasil o principal autor dessa fase é Álvares de Azevedo com obras como, Noite na taverna (contos) e Macário (peça teatral).
  • Romance Indianista

    Romance Indianista
    O romance indianista busca valorizar o herói nacional, o índio. São explorados temas como a natureza, o sentimentalismo. O heroísmo é representado pela nobreza de caráter e valentia das personagens. O principal autor dessa fase da prosa romântica no Brasil é José de Alencar (1829-1877), Que escreveu: O Guarani, Iracema e Ubirajara.
  • Romance Regionalista

    Romance Regionalista
    A prosa romântica regionalista no Brasil representa o povo, diferente dos nobres na Corte. Demonstra o ambiente rural, em oposição às cidades. Representam o sertanejo, as paisagens e os costumes do sertão. O principal autor dessa fase está José de Alencar com a obra, O sertanejo
  • Terceira Geração

    Terceira Geração
    Esse período desenvolve uma poesia com caráter político e social, é formada pelo grupo condoreiro. O maior representante dessa fase é Castro Alves.
  • O Declínio do Romantismo

    O Declínio do Romantismo
    durante este período foi associado a múltiplos processos, incluindo mudanças sociais e políticas e à disseminação do nacionalismo. O ano de 1881 é considerado marco final do romantismo, quando são lançados os primeiros romances de tendência naturalista e realista (O mulato, de Aluísio Azevedo, e Memórias de Brás Cubas , de Machado de Assis)