Estado Novo - Salazar

By bg21
  • Nascimento de Salazar

    Nascimento de Salazar
    António Oliveira de Salazar nasce na aldeia de Santa Comba Dão em Vimieiro. Era uma família de pequenos proprietários agrícolas. Tendo poucos recursos recebeu lições particulares, onde o Cristianismo foi marcante para ele, dado que passou 8 anos no Seminário Diocesano de Viseu.
  • Diretor na CADC

    Diretor na CADC
    Salazar ocupa o cargo de Diretor na CADC (Centro Académico da Democracia Cristã).
  • Fim de Curso

    Fim de Curso
    Salazar conclui o curso de Direito (com 19 valores).
  • Convidado para Ministro das Finanças

    Convidado para Ministro das Finanças
    Salazar é convidado para Ministro das Finanças. Aceita o cargo, porém demite-se passado alguns dias.
  • Comissão de Censura

    Comissão de Censura
    É instituida a comissão de censura que acaba, assim, com o direito à liberdade de expressão. Esta comissão centrou-se em vários meios da comunicação, tais como os jornais, a rádio e o cinema. Censura
  • Ministro das Finanças

    Ministro das Finanças
    O General Óscar Carmona convida, pela segunda vez, Salazar para exercer o cargo de Ministro das Finanças.
  • Campanha do trigo

    Campanha do trigo
    Iniciada em 1929 pelo Ministro da Agricultura Linhares de Lima, é prosseguida por Salazar. Campanha que se intregrou na política de recuperação económica de Salazar.
  • Ministério

    Ministério
    Salazar integra o Ministério, presidido por Domingos de Oliveira.
  • Ato Colonial

    Ato Colonial
    Instituição do Ato Colonial que restringiu e moderou a autonomia administrativa e financeira das colónias.
    Definiu assim as formas de relacionamento entre a metrópole e as colónias.
  • União Nacional

    União Nacional
    É fundada a União Nacional (UN) que se torna o único partido da assembleia, característica essa de um regime ditatorial fascista.
  • Period: to

    Presidente do Conselho de Ministros

    Salazar torna-se Presidente do Conselho de Ministros, cargo que exerce até 1968.
  • Parada Desportiva

    Parada Desportiva
    É realizada, no Terreiro do Paço, uma parada desportiva em homenagem a Salazar.
  • Period: to

    Estado Novo

    Período do Estado Novo, instituido por Salazar.
  • Elaboração da Constituição

    Elaboração da Constituição
    Elaboração da Constituição de 1933, que termina com a Ditadura Militar. Começa, assim, o Estado Novo.
    Inicia-se um período de Ditadura, dado que o poder de Salazar foi sempre absolutamente incontestado. Com isto, o poder efetivo de Salazar era superior ao do própria Presidente da República.
  • Extinção do Sindicatos Livres

    Extinção do Sindicatos Livres
    Extinguesse os sindicatos livres, sendo estes substítuidos pelos sindicatos nacionais.
  • Greve Geral

    Greve Geral
    Greve Geral tenta derrubar o regime de Salazar.
  • Conselho Copurativo e Assembleia Nacional

    Conselho Copurativo e Assembleia Nacional
    Criação do Conselho Copurativo e a Assembleia Nacional é ocupada pelo Partido Único.
  • Mocidade Portuguesa

    Mocidade Portuguesa
    Criação da Mocidade Portuguesa (organização que tinha como objetivo a formação da juventude militarmente e disciplinarmente) e da Legião Portuguesa (milícia armada portuguesa). Mocidade Portuguesa
  • Titular da Pasta das Finanças

    Titular da Pasta das Finanças
    Além de chefiar o Governo, Salazar torna-se titular da pasta das Finanças da guerra e dos Negócios Estrangeiros.
  • Period: to

    Pasta da Guerra

    Salazar assumiu inteiramente a Pasta da Guerra, devido a divergências com Armindo Monteiro.
  • Campo de Concertração

    Campo de Concertração
    Abertura do campo de concentração do Tarrafal, em Cabo Verde.
  • Atentado

    Atentado
    Salazar é alvo de um atentado falhado.
  • Publicação de Nota Oficiosa

    Publicação de Nota Oficiosa
    Salazar publica uma nota oficiosa divulgando os objetivos e o primeiro esboço de programa da exposição do "mundo português".
  • Pacto Ibérico

    Pacto Ibérico
    Salazar realiza um Pacto Ibérico (um tratado de amizade e não agressão luso-espanhol) com Francisco Franco.
  • Criação da PIDE

    Criação da PIDE
    É criada a polícia política portuguesa, a Polícia de Vigilância e Defesa do Estado. Esta tinha como principais funções a segurança do estado, sendo também responsável pelos setores dos serviços estrangeiros e fronteiras. A PIDE (Polícia Internacional e de Defesa do Estado), perseguia todos os opositores ou possíveis opositores ao regime salazarista.
  • Greve das Construções Navais

    Greve das Construções Navais
    Grande greve dos trabalhadores das construções navais,, uma das muitas greves de vários setores.
  • 1º abalo do regime

    1º abalo do regime
    Realização das eleições presidenciais, onde Humberto Delgado, opositor de Salazar, alcança um grande apoio popular e põe em perigo o cargo de Salazar. Tal não acontece pois Américo Tomás ganha.
  • Movimento Estudantil

    Movimento Estudantil
    Início do movimento estudantil, que consistiu em greves e manifestações de universidades. Era uma oposição ao governo salazarista. Vídeo
  • Saída do Poder

    Saída do Poder
    Salazar cai de uma cadeira, magoandosse gravemente, no Forte de Santo António, o que determina, assim, o seu afastamento do governo. É internado no hospital de São José.
  • Saída definitiva do governo

    Saída definitiva do governo
    Salazar saí definitivamente do governo, devido à sua condição de saúde.
  • Marcelo Caetano

    Marcelo Caetano
    Marcelo Caetano assume o lugar de Salazar devido ao seu estado clínico.
  • Revolução dos Cravos

    Revolução dos Cravos
    A revolução de Abril põe o fim ao Estado Novo. Esta revolução foi fortemente apoiada pela poulação e iniciou, assim, a Democracia Parlamentar.