Bandeira brasil

Brasil 1500 em Frente

  • Period: Mar 1, 1500 to Mar 1, 1530

    Pau-Brasil

    Tempo em que os indios davam Pau-Brasil em troca de mercadorias como armas, tecidos, espelhos, etc.
  • Period: Mar 1, 1500 to

    Metrópole explora Colônia

    A metropole explora a colonia pois explora a colonia.
  • Apr 22, 1500

    Conquista do Brasil

    Conquista do Brasil
    Conquista do Brasil, Pedro Alvares Cabral Chega ao Brasil
  • Period: Apr 22, 1500 to

    Periodo Colonial

    Durante a colonia formou-se um tipo de organização social. Ela era chamada de Sociedade Patriarcal e tambem a hierarquia se criou.
  • Period: Feb 17, 1530 to

    Exploração da Cana-de-açucar

    O período compreendido de 1500 a 1530 é denominado período pré-colonial e se caracteriza pelo desinteresse português em realizar a ocupação do território brasileiro. O período compreendido de 1500 a 1530 é denominado período pré-colonial e se caracteriza pelo desinteresse português em realizar a ocupação do território brasileiro.
  • Mar 1, 1530

    Formação das Captanias Hereditárias

    Formação das Captanias Hereditárias
    Ano em que o Brasil foi divido em Capitanias Hereditárias para pai a filho. A sociedade era hierarquizada e patriarcal, ou seja quem era o dono da Capitania mandava em tudo. Isso quer dizer que ele mandava em sua familia, sua terra e em tudo que acontecia em seu engenho.
  • Period: to

    Escravidão na Colonia

    A escravidão no Brasil começou nas lavouras de cana-de-açucar para ajudar na produçao. Isso foi até o final do século XIX. Foi a princesa Isabel aboliu a escravidaão.
  • Period: to

    Ciclo do Ouro

    Tempo em que os brasileiros e potrugueses começaram a explorar o ouro brasileiro. Isso fez que o território brasileiro aumentasse, pois eles começaram a explorar em outros lugares o ouro. Com isso, a população aumentou e o território.
  • Vinda da Familia Real

    Vinda da Familia Real
    Por causa da conquista de toda a Europa, a Família Real veio ao Brasil. E muitos acreditam que foi neste ano que Brasil virou um Império.
    No início do século XIX, a Europa liderada por Inglaterra e França. Napoleão proibiu o comércio de seus países aliados com a Inglaterra e Portugal tinha grande comércio com o país inglês. Portugal concordou, porém contiuou comercializando e então foi invadido por Napoleão. A tropa da França era maior e melhor, então a Família Real fugiu para o Brasil.
  • Brasil Vira Reino Unido

    Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves foi a designação oficial assumida em 16 de dezembro de 1815 à união do Reino de Portugal e do Algarve com o Estado do Brasil, devido à transferência da família real e da nobreza portuguesa para o Brasil.
  • Period: to

    Primerio Reinado

    Em 1824 começa valer a primeira cnstituição brasileira. Após o fexamento da Assembléia Nacional, Dom Pedro I. recebe o peder absoluto.
  • Primeiro reinado

    Primeiro reinado
    Em 1824 começa valer a primeira cnstituição brasileira. Após o fexamento da Assembléia Nacional, Dom Pedro I. recebe o peder absoluto. Nessa epoca dom Pedro Criou mais um poder o moderador. Esse poder levava ele ao poder absoluto de todas as desizoes.
  • Period: to

    Primeiro Reinado

    Em 1824 Entrou em vigor a Constição do Brasil. Desde 1822 Dom Pedro I vira Emperador do Brasil. Em 1831 Dom Pedro Abdica o trono.
  • Independencia da Brasil

    Independencia da Brasil
    Foi no dia em que Dom Pedro I declarou a independência do Brasil. Foi nesse dia em que a frase famosa - "Independência ou morte".
  • Constituinte 1823

    A constituinte de 1823 e dissolvida.
  • Confederação do Equador

    Confederação do Equador
    A Confederação do Equador foi um movimento revolucionário que representou a principal reação contra a tendência absolutista e a política centralizadora do governo de D. Pedro I .A revolução queria a formação de uma república baseada na constituição da Colômbia.
  • Constituicao de 1824

    Constituicao de 1824
    O imperador D. Pedro I ordenou que 10 homens escolhidos por ele criasse uma nova constituiçao. Essa constituiçao estabelecia que 4 poderes organizava o Brasil. Legislativo = senadores e deputados = elaborar leis e organizar a monarquia.
    Judiciario = juízes e jurados = cuidavam da justiça da populaçao
    Executivo = imperador e ajudantes = chefiar o país.
    Moderador = exclusivo do imperador.
  • Constituição de 1824

    Nessa epoca o peder moderador é criado por Dom Pedro I
  • Guerra da Cisplatina

    Guerra da Cisplatina
    A guerra da cisplatina ocoreu porque os revoltosso de baixa patente queriam a formacao da republica, abanição da escravidao e que o poder centralizado do emperador acabsse.
  • Crise Economia E dividas Externas.

    As dividas pagas aos Britanicos causaram outras dividas com os Inglesses. A crise Economica brasileira foi formada pela falencia do Banco.
  • Period: to

    Período Regencia

    Durante esse período, Dom Pedro 1 abidicou o trono de portugual afavor de reconquista o trono de portugual. Durante esse tempo. ja que seu filho era menor de idade, Dom pedro deicho Politicos para ajudar seu filho, Pedro de Alcantara. Tambem, durante esse tempo, existiram 3 fazes:
    -Regencia Trina Provisoria
    -Regencia Trina Permanente
    -Regencia Unas
  • Abdicação de D. Pedro I

    Abdicação de D. Pedro I
    Varios motivos levaram o disolucao e a inda de D. Pedro I a portugal.
  • -Regencia Trina Provisoria-

    Foi estabelecida para governar ate q a assembleia geral se reunisse.
  • -Regencia Trina Permanente-

  • Regencia Unas

  • Grupos Partidários Restauradores.

    Apelido: Caramurus
    Defendiam a volta de Dom. Pedro I ao poder, o regime absolutista e centralizadores.
    Eles eram Comerciantes ligado ao comercio, Miliitares de alta patente e funcionarios publicos.
  • Grupos Partidários Liberais Exaltados

    Apelido: Jurujubas ou Farroupulhas
    Defendiam a centralizacao do poder, a autonomia administrativ das provincias, o sistema eram republicanos.
    Proficionais Liberais, pequenos comerciantes e trabalhadores de baicha patente.
    Journais: A malagueta, A sentinela da liberdade
  • Levante dos Malês (1835)

    Em janeiro de 1835 os escravos de orientação religiosa muçulmana, chamados então de malês, organizaram uma revolta que teve intensa reação do governo, que os dizimou. cerca de 600 escravos tomaram a capital baiana, a maioria deles alfabetizada em árabe e sob o contexto religioso de uma jihad. Nas lutas intensas 70 escravos morreram, e cerca de 500 foram presos e condenados a açoites, prisão ou morte.
  • Revolta da Cabanagem (1835 – 1840)

    A rebelião teve início no ano de 1835 em Belém, então uma cidade de 12 mil habitantes com poucos brancos e maioria de indígenas, escravos e mestiços, após desentendimentos na elite sobre a escolha do novo presidente da província que, então, bem poucos laços tinha com o Rio de Janeiro: foi então proclamada a independência. Belém foi então atacada por uma tropa integrada na maioria por mestiços, índios, negros, dentre os quais destacou-se como líder o cearense Eduardo Angelim, que para aquela
  • Sabinada (1837 – 1838)

    A rebelião teve início em Salvador, a 7 de novembro de 1837, e teve esse nome derivado de um dos seus líderes, o médico Francisco Sabino Álvares da Rocha Vieira.Formou-se então um governo provisório, dentro do contexto de uma República Bahiense, que entretanto seria interina até a maioridade do Imperador: o que provocou controvérsias entre os historiadores sobre o efetivo caráter liberal e republicano do movimento.Morreram cerca de 1800 revoltosos, após as lutas que se travaram corpo a corpo.
  • Sabinada

    Ocoreu na Bahia liderada por Francisco Sabino Alvares da Rocha Viera. O obijetivo era de instituir o regime republicana. o movimento ocorreu do mesmo jeito do que as outras revoltas, o governo acabou com ela.
  • Balaiada

    Esta era contrario ao poder e aos aristocratas rurais que, ate intao, dominavao aquela regiao, Esta foi retomada pelo governo igualmente como as outras.
  • Period: to

    Período da República Militar (ou da Espada)

    Foi denominado pela historiografia brasileira como “República da Espada” o período de 1889 a 1894 onde, o regime republicano, recém instalado no país, teve como presidentes dois militares: Marechal Deodoro da Fonseca e Marechal Floriano Peixoto.
  • Proclamacao da Republica

    Proclamacao da Republica
    A Proclamação da República Brasileira foi um levante político-militar ocorrido em 15 de novembro de 1889 que instaurou a forma republicana federativa presidencialista de governo no Brasil.
  • Period: to

    Guerra de Canudos

    Canudos ameaçava o regime republicano, e por isso havia a necessidade de acabar com o movimento popular. Apesar de não haver nenhum motivo direto, o governo estadual envia a primeira de quatro expedições a Canudos, com o intuito de destrui-la.
  • Period: to

    Período da República do Café-com-leite (Oligárquica)

    É o período da República Velha em que o país foi governado por presidentes civis fortemente influenciados pelo setor agrário de Minas Gerais e São Paulo. Esta denominação - República Café-com-Leite - surgiu da evidência do sustentáculo econômico dos dois estados : São Paulo produzia café e Minas Gerais , leite.
  • Revolta da Chibata

    Revolta da Chibata
    Em novembro de 1910 as tripulações do Encouraçado São Paulo, do Encouraçado Deodoro, do Encouraçado Minas Gerais e do Cruzador Bahia, lideradas pelo marinheiro João Cândido, se revoltaram no Rio de Janeiro contra os maus tratos, a má alimentação e o excesso de trabalho. Com os canhões das belonaves apontados para a capital do país, exigiram o fim dos castigos físicos a bordo.
  • Period: to

    Guerra do Contestado

    Em 1912, a fronteira entre Santa Catarina e Paraná foi motivo de uma disputa pela posse de terras que recebeu o nome de Guerra do Contestado. Sertanejos, imigrantes e nordestinos faziam parte do grande número de pessoas, sem terras e na miséria, que participaram deste conflito de cunho milenarista e messiânico.
  • Semana da arte moderna

    Semana da arte moderna
    A Semana de Arte Moderna de 1922, realizada em São Paulo, no Teatro Municipal, de 11 a 18 de fevereiro, teve como principal propósito renovar, transformar o contexto artístico e cultural urbano, tanto na literatura, quanto nas artes plásticas, na arquitetura e na música. Mudar, subverter uma produção artística, criar uma arte essencialmente brasileira, embora em sintonia com as novas tendências européias, essa era basicamente a intenção dos modernistas.
  • Revolta do Forte

    Revolta do Forte
    Revolta contra o governo de Arthur Bernardes. Cartas falsas escritas por ele foram publicadas em um jornal, Causando tumulto. No forte de Copacapana, s'o sobraram 2 de !8 Tenentes.
  • Revolta Tenentista

    Revolta Tenentista
    Aconteceu para enfraquecer as republicas oligarquicas, a politica oligarquica. Apos termino da revolta, Coluna do Sul se uni com a coluna Preste.
  • Period: to

    Coluna Preste

    Coluna liderada por luiz Carlos Preste, Percorreu 12 estados brasileiros em busca de emfraquecero governo oligarquico.
  • Crise de 1929

    Crise de 1929
    Crise aconteceu por causa do cafe brasileiro. Bolsa de valores de nova iorque causou um aumento de 50% no cafe, causando a crise do cafe, crise da 1929
  • Revolucao de 30

    Revolucao de 30
    Fatores da Revolução de 1930 • A dissidência regional: a indicação de Júlio Prestes pelo presidente Washington Luís como candidato do go­verno à Presidência na eleição de 1930, ao que parece, pa­ra que sua política de estabilização financeira não fosse interrompida, não foi aceita por Antônio Carlos Ribeiro de Andrade, presidente do Estado de Minas Gerais. Rom­pia-se a Política do Café-com-Leite.
  • Period: to

    Governo Provisório de Vargas;

    A ascensão de Getúlio Vargas em 1930 ao poder rompeu com quatro décadas de revezamento entre paulistas e mineiros na presidência, conhecida como política do “café-com-leite”. Irritados com a hegemonia paulista nas decisões políticas, os mineiros se uniram aos gaúchos e paraibanos e formaram a Aliança Libertadora, para bater de frente com o Governo de Washington Luís, que apoiou o candidato paulista Júlio Prestes para substituí-lo.
  • Period: to

    Governo Constitucional

    Nesse segundo mandato, conhecido como Governo Constitucional (1934 a 1937), observou-se a ascensão de dois grandes movimentos políticos em terras brasileiras. De um lado estava a Ação Integralista Brasileira (AIB), que defendia a consolidação de um governo centralizado capaz de conduzir a nação a um “grande destino”. Esse destino, segundo os integralistas, só era possível com o fim das liberdades democráticas, a perseguição dos movimentos comunistas e a intervenção máxima do Estado na economia.
  • Grupos partidários (liberais moderados)

    Apelido: Chimangos
    Lutavam pela unidade, monarquia e cotra a escravidao
    Propretarios de varios estados
    Journal A aurora fluminense\
  • Babanagem (1835-1840)

    província migrara após grande seca, e contava então 21 anos.[2] Chamados de cabanos, o rebelados tinham por objetivos restaurar o Pará ao Brasil, a defesa de D. Pedro II como monarca e o combate aos estrangeiros. Seu saldo dos anos de lutas, em que os legalistas venceram, foi a morte de 20% da população da província, sua desestruturação econômica e a destruição da capital.