Brasil Império

Timeline created by nath089766
In History
  • A independência do Brasil

    A independência do Brasil
    A independência no Brasil foi marcada pela manutenção da monarquia como forma de governo, situação que se estende até 1889, ano em que foi proclamado a República do pais. Imagem: pintura de D.Pedro I
    https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fbrasilescola.uol.com.br%2Fhistoriab%2Fdom-pedro.htm&psig=AOvVaw3xSxNwdjZ76u2cT0Mdv4Kj&ust=1597775284462000&source=images&cd=vfe&ved=0CAMQjB1qFwoTCIDbjfbuousCFQAAAAAdAAAAABAD
  • Participação das mulheres nas lutas pela independência

    Participação das mulheres nas lutas pela independência
    JOANA ANGELICA DE JESUS(1782-1882) tentou defender o local barrando a entrada dos soldados. Foi assassinada com um golpe no peito.(foto 3)
    MARIA QUITÉRIA(1779-1882) foi a primeira mulher a entrar no exercito.(foto 2)
    MARIA FELIPA DE OLIVEIRA( -1873)combateu os portugueses na ilha da Itaparica, na província de salvador, de forma inusitada.(foto 1)
  • Sociedade no primeiro reinado

    Sociedade no primeiro reinado
    A sociedade brasileira do primeiro reinado se caracteriza pela existência de elite nacional.Essa era constituída por grandes proprietários de terra,comerciantes,e altos funcionário públicos.Havia ainda classe formada por trabalhadores livres,porem sem posses,que vendiam sua mão-de-obra em sua maioria a baixos salários nos salários nos comércios das grandes cidades ou como vendedores ambulantes de pequenos objetos. Imagem: representa a padaria de 1820-1830
  • Confederação do equador

    A constituição de 1824 não foi bem aceita pelo partido brasileiro nem por grande parte da população brasileira, os quais esperavam possibilidades de melhora das condição de vida. Tal situação gerou grande instabilidade, uma das primeiras consequências dessa oposição foi a eclosão da confederação do equador, em pernambuco no mesmo ano em que a constituição foi aprovada.
  • Constituição de 1824

    Constituição de 1824
    A elaboração de uma constituição para o Brasil era fator indispensável ao funcionamento do novo pais.Assim, foram eleitos 100 senadores para representar os interesses de suas províncias na assembleia constituinte.D.Pedro I havia jurado obedecer a constituição se ela fosse digna dele e do Brasil.Os debates entre ''Brasileiro'' e ''portugueses'' se estenderam até o mês de novembro de 1823.Neste momento D.Pedro I em um gesto de autoritarismo. Mandou fechar a assembleia.
    Imagem:som do hino
  • Guerra da cisplatina

    Guerra da cisplatina
    A repressão da Confederação do Equador em 1824 não foi o suficiente para acabar com a oposição estabilizar o governo de D.Pedro I. Pouco tempo depois o imperador voltou a enfrentar problemas para a preservação das fronteiras nacionais. Em 1825 porém as províncias unidas do rio da prata iniciaram aproximação com o Brasil com objetivo de negociar a posse da província cisplatina para que esta fosse novamente incorporada ao território do rio da prata.
    imagem: execução de Frei Caneca, 1924
  • Cultura no primeiro reinado

    Cultura no primeiro reinado
    Durante o governo de D.Pedro I, o Brasil colhia os frutos do desenvolvimento cultural gerado pela presença da corte portuguesa. O incentivo a vinda de artistas e intelectuais europeus contribuiu para que as correntes artísticas e cientificas europeias tivessem Grande influencia na cultura e na educação da elite brasileira. O curso era frequentado apenas pelos homens As mulheres das classes altas recebiam educação voltada para suas habilidades artísticas em casa e esperavam o casamento
  • Crise e abdicação

    Crise e abdicação
    Diante da crise econômica e politica generalizada D.Pedro I resolveu atender aos pedidos dos portugueses, que exigiam seu retorno para a Europa após a morte de seu pai, D.João VI. Em 7 de abril de 1831, o imperador abdicou o trono brasileiro em favor de seu filho, D. Pedro de Alcântara, na época com só 5 anos de idade, partindo para a Europa com o restante de sua família. Como o herdeiro não pode assumir o poder, o Brasil foi governado por regentes.
    imagem: de aurelio figueiredo.
  • Rusgas

    Rusgas
    Durante o Período Regencial, dois grupos políticos disputavam o poder na Província de Mato Grosso. De um lado, estava a Sociedade dos Zelosos da Independência, e do outro, a Sociedade Filantrópica. Em 1834 membros da sociedade dos Zelosos da Independência planejaram tomar o poder provincial. Eles tentaram não usar armas, mas acabaram usando na ruas de Cuiabá em 1834. A repressão ao movimento foi implacável. Alguns integrantes foram condenados a morte, e outros a prisão.
  • Revolta dos Malês

    Revolta dos Malês
    Os malês eram africanos e afro-brasileiros muçulmanos, escravizados ou libertos, que em 1835 se revoltaram em Salvador contra a escravidão, a imposição do catolicismo e os maus-tratos aos quais eram cotidianamente submetidos. O movimento que tomou as ruas da capital Salvador foi violentamente reprimido pelos membros da Guarda nacional e pelo seu exercito nacional. Prisões, torturas e deportações marcaram o desfecho da rebelião.
    imagem: revolta dos malês
  • Period: to

    Cabinagem

    A situação dos cabanos e da parte pobre da população da província era de total descaso e miséria nessa época, sem as mínimas condições adequadas para sobreviver e sem trabalho. Revoltados com tal abandono pelo governo, eles se uniram aos fazendeiros e comerciantes da região que também estavam descontentes com o novo presidente eleito para a província, que não satisfazia a elite.
  • Rusgas - Imagem

    Rusgas - Imagem
    imagem: revolta das rusgas
  • Revolução Farroupilha

    Revolução Farroupilha
    A revolta foi iniciada por Bento Gonçalves, líder da guarda nacional na província que apoiado por outros estancieiros e líderes militares da região invadiu Porto Alegre a capital da província, obrigando, seu presidente a fugir. Em 1836, os farroupilhas proclamam a República Rio-Grandense, com sede na Vila de Piratini.
    imagem: revolução farroupilha
  • Period: to

    Sabinada

    Revolta que aconteceu entre 1837 e 1838. Foi liderada pelos liberais da província que se colocavam contra o governo regencial, não reconhecido por eles como legitimo. Para isso desejavam a independência da Bahia até que D.Pedro II assumisse o governo.
  • Balaiada

    Balaiada
    A província do Maranhão havia conhecido grande prosperidade com as plantações de algodão no inicio da década de 1830. As exportações desse produto diminuíram. Nesse período a vida política do Maranhão era marcada pela oposição entre liberais e conservadores, estavam no poder os Conservadores. Os balaios passaram a ser chamados, invadiram e tomaram o poder em Caxias, uma das maiores cidades do Maranhão.
    imagem: revolta
  • Golpe da Maioridade

    Golpe da Maioridade
    A instabilidade política e social vivida pelo Brasil durante o período regencial deu origem a um movimento que pedia a antecipação da maioridade de D.Pedro II. Em 1840, uma ação liderada pelos deputados liberais aprovou um projeto de lei para a antecipação dessa maioridade. Assim, essa medida ficou chamada de Golpe da Maioridade, pôs fim a esse período.
    imagem: golpe da maioridade
  • Imigração

    Imigração
    A proibição da entrada de novos escravizados no pais gerou algumas mudanças na dinâmica populacional brasileira, aumentando o chamado trafico interno ou interprovincial. esse movimento consistia no descolamento de escravizados das áreas com menor movimentação econômica no período, sobretudo norte e nordeste, para as regiões em que a economia estava aquecida, como o sudeste.
    Imagem: https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fpt.wikipedia.org%2Fwiki%2FImigra%25C3%25A7%25C3%25A3
  • Movimento Abolicionista

    Movimento Abolicionista
    Além da instalação da República uma parte considerada dos oficiais das forças armadas defendeu ainda a Abolição da Escravatura posição que encontrou apoio em vários outros grupos da sociedade. Formaram em todo o país inúmeros clubes abolicionistas que promovia manifestações contrarias á escravidão. Eles buscavam arrecadar dinheiro para as alforrias, indenizações pagas ou proprietários em troca da liberação dos escravos.
    Imagem:https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fescolaki
  • Parlamentarismo no segundo reinado

    Parlamentarismo no segundo reinado
    Em 1847 foi instituído no Brasil o regime de governo denominado parlamentarismo, baseado no modelo inglês. No modo brasileiro o parlamentarismo funciona da forma contraria ao do ingles, denominava "parlamentarismo ás avessas". Nesse o imperador D.Pedro II nomeava o presidente do conselho dos ministros, que ocupava o cargo de primeiro-ministro. O gabinete e o imperador nomeavam os membros do conselho.
    Imagem: https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fpt.wikipedia.org%2Fwiki%2
  • Revolução praieira

    Revolução praieira
    Em 1848 os conservadores estavam no poder e a oposição dos Liberais deu inicio a uma nova revolta na Província de Pernambuco. Nela o grupo politico Liberal era denominado Partido da Praia. Entre os liberais havia divergência de posições: os membros da classe media e intelectuais chamados praieiros.
    Imagem: https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fpt.wikipedia.org%2Fwiki%2FRevolu%25C3%25A7%25C3%25A3o_Praieira&psig=AOvVaw2cBJ_CNOjRdA376Cl6q0rr&ust=1600439678825000&source=images
  • Lei de terras

    Lei de terras
    Essa lei determinava que a propriedade de terras no pais somente seria reconhecida por meio da posse de um documento assinado por um juiz, comprovando sua obtenção pela compra. Aos imitantes ficava vetada a possibilidade de compra de terras em seus três primeiros anos de permanência no pais. A essa lei seguiu-se a criação de uma serie de documentos falsos, emitidos por juízes corruptos.
    Imagem:https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fsuportegeografico77.blogspot.com%2F2018%2F1
  • Period: to

    Guerra do Paraguai

    O conflito teve início em 1864 causado pela continuidade das disputas entre paraguaianos e brasileiros pela região do rio da Prata, localizado em grande parte do território do Uruguai. Para o Brasil, a navegação pelos rios da região era a forma mais rápida de se deslocar do Rio de Janeiro até Mato Grosso.
  • Movimento Abolicionista-- Lei Áurea

    Movimento Abolicionista-- Lei Áurea
    Em 1888 a pressão popular levou a princesa Isabel a assinar a abolição definitiva da escravidão batizada de Lei Áurea. E a abolição sem a indenização aos antigos senhores de escravizados acabou por retirar de forma definitiva o apoio deles ao governo imperial.
    Imagem:https://www.google.com/url?sa=i&url=https%3A%2F%2Fwww.infoescola.com%2Fhistoria-do-brasil%2Flei-aurea%2F&psig=AOvVaw30h8WxgX_YTKjDPEZWdzyP&ust=1601230575381000&source=images&cd=vfe&ved=0CA0QjhxqFwoTCPCliPC2h-wCFQAAAAAdAAA