Images

HISTÓRIA DA ARTE

  • Arte na Pré-História - 1.000.000 até 4000 a.C.

    Arte na Pré-História - 1.000.000 até 4000 a.C.
    A Pré-História, conhecida também como Idade da Pedra ou Paleolítico Superior, foi o período mais longo da época, é dividada em três períodos:
    Paleolítico Inferior – até 500000 a.C.
    Paleolítico Superior – aproximadamente 30 000 a. C.
    Neolítico – por volta do ano 10 000 a.C., de 5000 até 3500 C surge a idade dos metais, o final desse período, quando acontece o desenvolvimento dametalurgia, surgimento de cidades, invenção da roda, da escrita e do arado de bois.
  • Idade da Pedra Lascada

    Idade da Pedra Lascada
    Como principal característica da arte, temos o naturalismo. Naquele tempo o artista desenhava aquilo que ele estava vendo, Os animais, a natureza e tudo que eles podiam captar, eles reproduziam.
    Uma das explicações sobre isso é que as pinturas eram feitas por caçadores que acreditavam em princípios mágicos: se fizessem a pintura de um animal na parede, poderiam capturá-lo no dia seguinte.
  • Idade da Pedra Polida - 10 000 a. C.

    Idade da Pedra Polida -  10 000 a. C.
    Nesse período eles criavam armas e instrumentos com pedra polida. Com êxito, é o período em que eles começam a domesticar animais e dão os primeiros passos na agricultura. Além disso, os objetos com cerâmica, a fiação, o artesanato e a arquitetura começam a compor o cotidiano do homem na Pré-História. Os povos passaram a formar famílias e foi feita a divisão do trabalho.
  • Idade dos Metais

    Idade dos Metais
    Geralmente, as esculturas em metais eram representadas por guerreiros, mulheres cheias de detalhes que mostravam roupas e armas utilizadas no período. Os homens que antes moravam em cavernas passaram a construir suas próprias casas. As mais conhecidas são os nuragues, os dolmens.
  • Idade Antiga - 4000 a. C. 476 d. C.

    Idade Antiga -  4000 a. C. 476 d. C.
    Já havia vestígios de civilizações bastante avançadas, mostrando estruturas de sociedades escravistas e de servidão coletiva.
    O povo era marcado por uma realidade mística: a religiosidade dos egípcios, as buscas gregas pela perfeição, o retorno da natureza humana até a fundação do cristianismo, a religião oficial do Império Romano.
    Foi nesse período que iniciou a escrita e terminou com a queda do Império Romano do Ocidente.
  • Arte Egípcia

    Arte Egípcia
    A arte egípcia por um lado, é marcada pela escrita avançada, e pela religião. Ela foi capaz de determinar o modo de vida, as relações sociais e hierarquias, direcionando todas as formas de representação artística daquele povo.
    Toda a arquitetura egípcia,eram edificadas sob contruções mortuárias.
    As pinturas eram anônimas e não registravam o estilo do artista, mas o faraó.
  • Arte Grega

    Arte Grega
    A arte grega foi considerada livre, pois valorizava o homem, como sendo o ser mais importante do universo.
    O dia a dia, a natureza e as manifestações dos gregos eram retratadas na arte. Eles procuravam o equilíbrio, o ritmo, a harmonia, pois estavam em busca da perfeição.
  • Período Arcaico (Século VIII a VI a.C.)

    Período Arcaico (Século VIII a VI a.C.)
    Chama-se de arcaico o período em que os gregos começaram a desenvolver técnicas sob a influência e contato com as idéias das civilizações mais antigas do Egito e do Oriente.
  • Período Clássico (século V a IV a.C.)

    Período Clássico (século V a  IV a.C.)
    É também identificado como “Período das Hegemonias” por causa do revezamento de soberania que ocorreu entre as cidades-estado Atenas e Esparta.
    É identificada como a mais gloriosa dos gregos, mesmo sendo também um período de muitas guerras.
  • Período Helenístico (século III a II a.C).

    Período Helenístico (século III a II a.C).
    No final do século V a.C., após a morte de Felipe II, rei da Macedônia, que dominou as cidades estados da Grécia, seu sucessor, Alexandre, O Grande, construiu um vasto império. Com sua morte, o seu império foi dividido em vários reinos que, segundo os historiadores receberam o nome de helenístico.
  • Arte Romana - XII e VI a. C.

    Arte Romana - XII e VI a. C.
    A influência da arte romana veio da cultura etrusca, arte popular que retratava o cotidiano e da cultura greco-helenística.Uma das características da arquitetura veio da arte etrusca, por meio do uso do arco e da abóbada nas construções.Foram criados os anfiteatros, com o uso das abóbadas e arcos.Os pintores romanos usaram, o realismo e a imaginação, dando origem à obras que ocupavam grandes espaços, enriquecendo mais a arquitetura.Suas esculturas retratava copias fiel das pessoas.
  • Arte Bizantina - Ano de 395.

    Arte Bizantina -  Ano de 395.
    O grande destaque da arquitetura foi construir Igrejas espaçosas e monumentais, determinou a utilização de cúpulas sustentadas por colunas, onde haviam os capitéis, trabalhados e decorados com revestimento de ouro, destacando-se a influência grega.A pintura bizantina não teve grande desenvolvimento, pois assim como a escultura sofreram forte obstáculo devido ao movimento iconoclasta. O Mosaico foi uma forma de expressão artística importante.
  • Idade Média - 476 á 1453.

    Idade Média - 476 á 1453.
    Seus princípios eram diferentes dos pregados na arte greco-romana e essa arte se baseou no decorativismo, sem nenhuma preocupação com as figuras humanas, sendo a Igreja Católica a propagar a arte nos monastérios.
  • Arte Românica - XI e XII.

    Arte Românica - XI e XII.
    A arte era produzida nas oficinas, no governo de Carlos Magno. Na época, era utilizado a abóbada, dois pilares e paredes grossas com pequenas aberturas. A arquitetura românica, com seus grandes espaços, propiciava a presença da pintura chamada também de mural. Na pintura, era utilizada a técnica do afresco, que consiste na pintura sobre a parede úmida.
  • Arte Gótica - XVI

    Arte Gótica -   XVI
    Estilo caracterizado pela boa organização do espaço e por representações mais dinâmicas que as da arte anterior, românica ou bizantina. A expressão ‘gótico’ surgiu apenas no fim do Renascimento, com uma conotação pejorativa.O núcleo central deste estilo, é o arco de ogiva, embora ele também esteja presente em outras Arquiteturas. As pinturas buscavam representar os seres com realismo e tratavam de temas religiosos.
  • Idade Moderna - 1453 a 1789.

    Idade Moderna - 1453 a 1789.
    Ela mostra parte da história do Ocidente.Em 1453, temos a queda do Império com a tomada dos turcos pela capital Constantinopla. Esse foi um período de muitas transições, de revoluções e substituição do sistema feudal para o sistema capitalista. No final da Idade Média, a arte moderna já se iniciava, sendo uma forma de preparação para o renascimento de um novo marco na história da arte.
  • Renascimento - 1300 a 1650.

    Renascimento - 1300 a 1650.
    Esse foi um período marcante na história e representou muito mais do que a simples volta da arte greco-romana.Através da geometria e suas regras, uma nova arquitetura pode mostrar a harmonia e a constância em que o homem produzia a sua arte. A pintura se aproximava do realismo. As esculturas do renbascimento transmiti o sentimento na obra.
  • Barroco - XVII

    Barroco - XVII
    Sua grande característica é o uso das emoções.As formas procuram expressar os movimentos e recobrem-se de efeitos decorativos. Predominam as linhas curvas, os drapeados das vestes e o uso do dourado.os arquitetos deixam de lado os valores de simplicidade e racionalidade,e insistem nos efeitos decorativos.
  • Rococó - 1710 e 1780.

    Rococó - 1710 e 1780.
    Quando os valores decorativistas e ornamentais são exaltados tanto pelos artistas quanto pelos apreciadores da arte. A arquitetura se manifestou principalmente na decoração dos espaços interiores. Essa decoração era detalhada e bem ornamentada e um exemplo são as salas e os salões.Na pintura,eles retraram cenas mundanas, compondo o plano de fundo, os parques e os jardins, assim como, os espaços internos de luxo.Na escultura o estilo, veio a substituir a energia da arte barroca por linhas suaves.
  • Idade Contemporânea

    Idade Contemporânea
    A globalização já estava acontecendo e o iluminismo, uma corrente filosófica que acreditava na razão do homem e não na religiosidade se propagou.
  • Neoclassicismo

    Neoclassicismo
    De acordo com os neoclassicistas, só haveria arte, se os artistas resgatassem os ideais gregos e renascentistas.Um exemplo está nas edificações, como em casas ou em templos religiosos, colunas, frisos, estátuas, planta dos edifícios com forma de cruz, etc.A pintura é inspirada na escultura clássica grega e na pintura renascentista italiana. As Revoluções Francesa e Industrial causaram grandes mudanças nas artes nesse período.
  • Romantismo - XIX

    Romantismo - XIX
    Ela se caracteriza por aderir os sentimentos, a imaginação, o nacionalismo e a natureza, através das paisagens. As características da pintura romântica se aproxima da arte barroca. A paisagem romântica se caracteríza pelo realismo, utilização das cores da natureza, da luz, e outras, sendo essa última característica um preparo para as obras dos impressionistas.
  • Realismo - Entre 1850 e 1900.

    Realismo - Entre 1850 e 1900.
    O homem contemporâneo entendeu que precisava ser realista, tendo uma visão mais técnica e deixando um pouco de lados as emoções humanas. Os arquitetos foram capazes de criar cidades que tivessem fábricas, armazéns, lojas e outros estabelecimentos, para adequar tantos os trabalhadores, quanto a classe da época. Na escultura, o realismo dominou os artistas, sendo que as obras eram mostradas com elas são. A pintura busca retratar a objetividade com que os cientistas retratavam os fenômenos.
  • Impressionismo

    Impressionismo
    Movimento artístico que mudou a arte do século XX. As pessoas puderam apreciar as obras do período, numa exposição em Paris, em abril de 1874, mas ela foi mal vista por seus observadores.