Energia elétrica.png

SEP: Desenvolvimento Elétrico no Brasil

  • Primeira usina elétrica instalada em Campos,RJ.

  • Usina elétrica na cidade de Juiz de Fora, MG.

  • Cerca de 300 empresas servem a 431 localidades com potência instalada de 354.980 kW

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 780 MW

  • Número de empresas chega a 1176. Mais de 70% de toda a capacidade instalada no Brasil pertencia a duas empresas: a LIGHT e a AMFORP.

  • A capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 1250 MW.

  • Criação da CHESF. Mais tarde, também, foram criadas a CEMIG em MG, USELPA e CHERP em MG, COPEL no PR, FURNAS na região centro-sul.

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 1900 MW

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 4800 MW

  • Criação da Eletrobrás

  • Foi criado o DNAEE, que atuava como órgão normativo e fiscalizador.

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 11460 MW

  • Period: to

    Ápice do setor elétrico e início de seu declínio. Início do programa nuclear brasileiro. Tratado de Itaipu.

  • Criação dos GCOLs

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 31300 MW

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 53000 MW

  • Lei n. 8.967, que regulamentava os preceitos de licitação para concessões e início da competição no setor elétrico.

  • Criação da ANEEL.

  • Instituição do ONS e do MAE pela lei n. 9.648/98.

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 72200 MW

  • Racionamento de energia elétrica, nas regiões sudeste, centro-oeste, nordeste e norte.

  • Capacidade instalada de energia elétrica era em torno de 77300 MW

  • Aprovação das leis n. 10.848 e 10.847, que definem o modelo do setor elétrico.