Microsoft new logo

versões da Microsoft e do MS-Office.

  • Windows 1

    Windows 1
    Até sua chegada, os sistemas operacionais funcionavam apenas em modo texto e este foi o primeiro a oferecer uma interface gráfica em cima do modo texto (MS-DOS) de maneira que qualquer pessoa pudesse interagir com o sistema sem precisar digitar comandos no terminal, com utilização de uma seta para apontar e clicar em elementos, barras de rolagem e as janelas.
  • Windows 2

    Windows 2
    as janelas da interface do Windows 1.0 não se sobrepunham já o Windows 2.0 chegou trazendo essa funcionalidade,Capaz de rodar sem um disco rígido, o 2.0 se tornou mais popular do que o antecessor.
  • Windows 3

    Windows 3
    ele veio com uma interface reformulada, delineando o padrão visual que convivemos por muitos anos até a chegada do Windows 8. Além do visual renovado, ele trouxe diversas melhorias como suporte a drives de CD e placas de som, além de vir pré-instalado em discos rígidos, ocupando "monstruosos" 5 MB. Além disso, o Windows 3.0 introduziu softwares importantes como o Bloco de Notas, um editor de texto e o clássico Paciência.
  • Office 1.0

    Office 1.0
    Word 1.1, Excel 2.0, PowerPoint 2.0 [2]
  • Office 1.5

    Office 1.5
    Word 1.1, Excel 3.0, PowerPoint 2.0
  • Office 3.0

    Office 3.0
    Contém - Word 2.0; Excel 4.0A e PowerPoint 4.0. Observe que os números da versão não são consistentes; eles se tornaram consistentes somente após o Office 95.
  • Office 4.0

    Office 4.0
    Houve uma pequena atualização para o Excel entre o Office 3.0 e o Office 4.0 e a mesma foi continuada no Office 4.0. Em vez do Excel 4.0a, agora era o Excel 4.0. A versão do PowerPoint era a mesma - 3.0. A grande reformulação foi o MS Word, que agora tinha uma interface muito rica com foco na formatação.
  • Windows 95

    Windows 95
    A interface gráfica, mais refinada do que nunca, praticamente não mudou visualmente até a chegada do Windows XP e em comportamento até o Windows 8 em 2012. Nesta versão, a Microsoft introduziu o Windows Explorer e a barra de tarefas, presentes até os dias de hoje e que não devem desaparecer tão cedo. Importante notar o Internet Explorer na captura de tela. No entanto, ele não vinha instalado por padrão, mas era possível adquiri-lo em um pacote de atualização chamado Plus.
  • Office 7.5 ou Office 95

    Office 7.5 ou Office 95
    Esta versão não era compatível com versões anteriores e funcionava apenas no Windows 95 e sistemas operacionais posteriores. Você pode obter um na Internet se estiver curioso, mas certifique-se de que não seja falso ou malware.
  • Microsoft office 97

    Microsoft office 97
    introduziu o "Command Bars", um paradigma em que os menus e barras de ferramentas foram feitas mais similares em termos de capacidade e design visual caracterizado sistemas de linguagem natural e gramatical sofisticados. Foi publicado em CD-ROM , e tornou-se Y2K seguro com o Service Release 2. foi a última versão com suporte do Windows NT 3.51 em i386 e Alpha (apenas Word e Excel estavam disponíveis para o Alpha, Outlook, FrontPage e Publisher 98 requer Windows NT 4.0).
  • Windows 98

    Windows 98
    trouxe vários avanços em relação ao 95, apesar de não ter sofrido mudanças visuais significativas. Importante mencionar o suporte a dispositivos USB e múltiplos monitores e a chegada do Internet Explorar já instalado por padrão - foi aí quando começou a derrocada do Netscape. No ano seguinte, a Microsoft lançou o Windows 98 Second Edition (SE), que corrigiu vários bugs da versão anterior.
  • Office 2000

    Office 2000
    Foi disponibilizado para sistemas de 32-bits, incluindo Windows 2000. Todos os aplicativos do Office 2000 têm capacidade OLE 2 que permite mover os dados automaticamente entre diferentes programas.
  • Windows ME

    Windows ME
    O software foi meio que um fiasco para a empresa e 1 ano depois foi substituído pelo Windows XP. O ME oferecia um boot mais rápido do que os anteriores, mas isso fazia com que programas mais antigos baseados em MS-DOS não funcionassem mais. O Windows ME era voltado para usuários domésticos e o Windows 2000 era a versão para negócios.
  • Windows XP

    Windows XP
    Sua característica mais marcante, à primeira vista, foi o visual caprichado, com cores vivas, a montanha verde com céu azulado, a barra de tarefas azul e os demais elementos que marcaram uma nova era no design do sistema. Além disso, unido aos avanços de hardware e softwares de terceiros, tornou-se uma versão extremamente confiável para as mais variadas atividades e, hoje, 14 anos após seu lançamento, ainda temos milhões de estabelecimentos rodando o XP em seus computadores.
  • Office XP

    Office XP
    Com o XP, a Microsoft ofereceu quase todos os recursos aos usuários que trabalham em modo restrito em redes corporativas. Observe o brilho no título da janela que é herdado dos elementos básicos do Windows XP que continuaram a governar por quase uma década.
  • Office 2003

    Office 2003
    No caso do MS Office, entretanto, a versão mais usada é a versão 2003 com muitas funcionalidades e recursos de segurança. Combinado com o Windows XP completamente e apresentando ícones e barras de ferramentas com a mesma aparência do sistema operacional. Além da aparência, o rico recurso organizado ordenadamente em diferentes guias de menu tornava a escolha dos usuários por anos, até que fossem forçados a atualizar para o Office 2007 e o Office 2010.
  • Windows Vista

    Windows Vista
    Windows Vista foi um dos maiores fiascos da empresa. Apesar de ter um visual bastante refinado, com transparências e efeitos especiais em 3D, o sistema não decolou por causa de inúmeros atrasos e problemas técnicos. Além disso, ele não oferecia nenhuma vantagem significativa sobre o Windows XP, que ainda era muito bom e confiável.
  • Office 2007

    Office 2007
    O Office 2007 introduziu a interface de faixa de opções e ajudou você a produzir documentos com aparência profissional, fornecendo um conjunto abrangente de ferramentas para criar e formatar seu documento na nova interface de usuário do Microsoft Office Fluent.
  • Windows 7

    Windows 7
    Depois do XP, o 7 foi o sistema da "zona de conforto" dos usuários, já que oferecia um visual bem agradável e desempenho e confiabilidade nos mesmos níveis do Windows XP. Com o encerramento do suporte à versão antiga, o Windows 7 passou a ser o sistema operacional mais utilizado do mundo e atualmente conta com pouco mais de 60% de participação no mercado.
  • Office 2010

    Office 2010
    O Microsoft Office 2010 permite que as pessoas e funcionários mantenham contato e trabalhem com eficiência, não importa onde estejam. Eles podem usar os mesmos aplicativos de seus PCs, de um smartphone ou de um navegador da web.
  • Office 365

    Office 365
    Apresentado como um substituto para o pacote de negócios baseado em nuvem da Microsoft. Desde então, ele percorreu um longo caminho e assumiu as versões autônomas do Office em faculdades e empresas. Inclui as versões da web do Word, Excel, PowerPoint, OneNote e um programa de e-mail. Além disso, oferece armazenamento ilimitado no OneDrive para os assinantes.
  • Windows 8

    Windows 8
    eliminou o Menu Iniciar e aderiu o "Live Tiles", quadrados vivos que continham programas e exibiam informações relevantes em tempo real, em uma interface voltada para dispositivos com tela sensível ao toque.
  • Office 2013

    Office 2013
    A evolução do MS Office continua com o Office 2013 e o Office 365 e faz uso da computação em nuvem e a leva para o próximo nível, ao apresentar o Touch
  • Windows 10

    Windows 10
    O Windows 10 chegou como a promessa da Microsoft para introduzir aos usuários o sistema operacional do futuro. Com ele, a empresa não apenas resolveu os problemas do Windows 8, mas criou uma nova rotina de atualizações e distribuições. Apresentado para ser o "Windows defintiivo", essa versão ganha novidades semestralmente e vem se tornando cada vez mais robusta.
  • Office 2016

    Office 2016
    A última versão do Office a partir de agora. Ainda em beta, a versão é totalmente otimizada para dispositivos móveis e telas sensíveis ao toque. Como tal, ele não fornece muitos recursos novos em relação ao Office 2013, exceto por uma integração mais estreita com a nuvem, com a qual os usuários podem ou não se sentir confortáveis.