Beneficios da Primeira Guerra mundial, Segunda Guerra mundial e Guerra Fria

Timeline created by lucas e julia
In History
  • O Relogio de Pulso

    O Relogio de Pulso
    O inventor do relógio de pulso foi o mesmo do avião: o brasileiro Santos Dumont. Ele pretendia contar o tempo de voo dos aviões durante os testes. Naquele tempo, os relógios ficavam nos bolsos, presos a uma corrente. Como Dumont tinha dificuldades em tirar, constantemente, o relógio do bolso, encomendou um modelo que ficasse fixo no braço e facilitasse o controle das horas.Em Março de 1904 o primeiro relógio de pulso do mundo foi criado, baptizado de Santos, com pulseira de couro.
  • Medicina na Primeira Guerra

    Medicina na Primeira Guerra
    Apesar de não ter sido inventada durante a Segunda Guerra Mundial, foi durante esse trágico evento histórico que a penicilina passou a ser produzida em massa pela primeira vez, com o objetivo de tratar milhões de pessoas de doenças como a sífilis e a gonorreia, que faziam vítimas em batalhões do mundo todo durante milhares de anos.
  • Fertilizantes Industrias

    Fertilizantes Industrias
    Os fertilizantes industriais surgiram na época da Primeira Guerra, mas não para a função de fazer germinar algo e sim para a fabricação de explosivos. De acordo com o artigo do Nautilus, pouco antes da guerra, os químicos alemães Fritz Haber e Carl Bosch desenvolveram um processo para converter o nitrogênio atmosférico em uma forma biologicamente disponível (amônia), utilizando em alta pressão e temperatura.
  • Nylon

    Nylon
    O nylon lançado em 1938, serviu primeiro para escovas de dente e meias-calças femininas. A entrada dos Estados Unidos na guerra fez a demanda explodir, a ponto de só ser permitido que essa fibra sintética fosse usada na fabricação de objetos do universo militar, como paraquedas, tanques de combustível de aeronaves e redes de descanso. O governo até criou uma campanha para que as mulheres doassem as meias para a confecção de paraquedas. A raridade tornou o material um sonho de consumo.
  • Primeiros Computadores

    Primeiros Computadores
    A historia da tecnologia começou a ganhar forma com o primeiro computador digital eletrônico de grande escala: O computador começou a ser feito em 1943, durante a Segunda Guerra Mundial, para auxiliar o exército norte-americano a fazer cálculos de balística.
  • Forno Microondas

    Forno Microondas
    Em 1945, o engenheiro americano Percy Spencer trabalhava com a tecnologia de radares, mais precisamente na construção de peças capazes de gerar ondas eletromagnéticas. Durante as muitas horas dedicadas ao serviço, Spencer percebeu que uma barra de chocolates em seu bolso havia derretido. Nisso o engenheiro chegou à conclusão de que o chocolate havia sido aquecido pelas micro-ondas. Depois disso, as pesquisas prosseguiram e a pipoca foi o primeiro alimento a ser preparado no mundo com o aparelho.
  • Corridas Espaciais

    Corridas Espaciais
    Uma das formas mais importantes de competição não violenta entre os EUA e a URSS durante a Guerra Fria foi a Corrida Espacial, com os soviéticos liderando em 1957 com o lançamento do Sputnik, o primeiro satélite artificial, seguido do primeiro satélite. vôo tripulado
  • Satélite

    Satélite
    O satélite tinha forma esférica e tinha 58 cm de diâmetro, e pesava exatos 83,6 kg. De acordo com os dados históricos, o Sputnik 1 levou 98 minutos para ser colocado em órbita ao redor da Terra. Este acontecimento histórico deu início aos primeiros estudos sobre o uso de satélites na localização de pontos sobre a superfície terrestre.
  • GPS

    GPS
    A implementação do GPS é baseada, parcialmente, em sistemas de navegação via rádio, como o LORAN ou o Decca Navigator, que foi usado na Segunda Guerra Mundial. Antes restrito aos militares, o GPS está agora disponível no bolso de muitos civis. Porém, como o sistema é de criação do Departamento de Defesa dos Estados Unidos e atende tanto a militares quanto a civis, a prioridade no uso do GPS é sempre das forças armadas daquele país.
  • Internet na Guerra Fria

    Internet na Guerra Fria
    Internet
    Ainda durante a Guerra Fria, os Estados Unidos buscavam um meio de comunicação e de armazenamento de dados que fosse descentralizado, isto é, que continuasse funcionando mesmo que parte dele tivesse sido bombardeada. Assim, a ARPA, agência militar especialmente desenvolvida para a criação desse projeto, financiou estudos e pesquisas acadêmicas que pudesse levar à criação da ARPANET, como era chamada a nossa querida internet naquela época.